Curta Nossa Página do Facebook!

  • Google-Translate-ChineseGoogle-Translate-Portuguese to FrenchGoogle-Translate-Portuguese to GermanGoogle-Translate-Portuguese to ItalianGoogle-Translate-Portuguese to JapaneseGoogle-Translate-Portuguese to EnglishGoogle-Translate-Portuguese to RussianGoogle-Translate-Portuguese to Spanish Skype Me™! contador de visitas

    terça-feira, 23 de novembro de 2010

    A VIDA DE JESUS



    A VIDA DE JESUS

    Jesus Cristo é o Messias, Salvador e fundador da igreja cristã. Para os cristãos, Ele é o Senhor de suas vidas. Embora tenha vivido na terra somente 33 anos, tem exercido grande impacto nas pessoas – mesmo naqueles que não crêem que Ele é o Filho de Deus. Jesus Cristo é descrito em detalhe na Bíblia – sua vida, obra e ensinamentos – nos Evangelhos, cada um focando diferentes ângulos. Mateus o apresenta como o esperado Rei do povo judeu. Marcos o mostra como servo de todos. Lucas tende a destacar seu caráter compassivo e bondoso para com os pobres. João descreve um relacionamento amoroso com Jesus. No entanto todos concordam que Jesus é o Senhor dos senhores e o Rei dos reis.

    Introduções à Vida de Jesus

    Data:

    Acontecimento:

    Local:

    Textos:


    Prefacio de Lucas Jerusalém Lc 1.1-4
    O Verbo de fez carne
    Jo 1.1-8
    Genealogia de Jesus
    Mt 1.1-17; Lc 3.23-38

    Nascimento, Infância e Adolescência de Jesus e de João Batista

    Data:

    Acontecimento:

    Local:

    Textos:

    7 aC Anúncio do nascimento de João Jerusalém Lc 1.5-25
    7-6 aC Anúncio do nascimento de Jesus à Maria Nazaré Lc 1.26-38
    c. 5 aC Maria visita Isabel Colinas Judá Lc 1.39-45
    Cântico de Maria
    Lc 1.46-56
    5-4 aC O nascimento de Jesus Belém Mt 1.18-25; Lc 2.1-7
    Proclamação pelos anjos Prox. Belém Lc 2.8-14
    Visita de adoração pelos pastores Belém Lc 2.15-20
    Circuncisão de Jesus Belém Lc 2.21
    4 aC Primeira visita ao templo / Simeão e Ana Jerusalém Lc 2.22-28
    Visita dos magos em Jerusalém e Belém
    Mt 2.1-12
    Fuga para o Egito e massacre dos inocentes
    Mt 2.13-18
    A volta do Egito
    Mt 2.19-23; Lc 2.39
    7-8 dC Infância de Jesus Nazaré Lc 2.40-51
    Jesus, aos 12 anos, visita o templo Jerusalém Lc 2.41-50
    Jesus adolescente e adulto Nazaré Lc 2.51-52

    Verdades acerca de João Batista

    Data:

    Acontecimento:

    Local:

    Textos:

    c.25-27

    Início do Ministério de João Deserto Judá Mt 3.1; Mc 1.1-4; Lc 3.1-2; Jo 1.19
    Homem e mensagem
    Mt 3.2-12; Mc 1.2-8; Lc 3.3-14
    Sua descrição de Jesus
    Mt 3.11-12; Mc 1.7-8; Lc 3.15-18 etc
    Sua coragem
    Mt 14.4-12; Lc 3.19-20

    Início do Ministério de Jesus

    Data:

    Acontecimento:

    Local:

    Textos:

    c. 27 dC

    Jesus é batizado Rio Jordão Mt 3.13-17; Mc 1.9-11; Jo 1.29-34
    Jesus é tentado Deserto Mt 4.1-11; Mc 1.12-13. Lc 4.1-13
    Chama dos primeiros discípulos Além Jordão Jo 1.35-51
    Primeiro milagre Caná Galiléia Jo 2.1-11
    Primeira estada em Carfanaum Cafarnaum Jo 2.12
    27 dC Primeira purificação do Templo Jerusalém Jo 2.13-22
    Recebido em Jerusalém Judéia Jo 2.23-25
    27 dC

    Instrui Nicodemos acerca do novo nascimento Judéia Jo 3.1-21
    Ministério paralelo de João Batista Judéia Jo 3.22-30
    Vai para a Galiléia
    Mt 4.12; Mc 1.14; Jo 4.1-4
    A mulher samaritana no poço de Jacó Samaria Jo 4.5-42
    Retorna à Galiléia
    Mc 1.15; Lc 4.15; Jo 4.43-45

    O Ministério de Jesus na Galiléia (27 a 29 dC)

    Data:

    Acontecimento:

    Local:

    Textos:

    27 dC

    A cura do filho de um oficial do rei Caná Jo 4.46-54
    Rejeitado em Nazaré Nazaré Lc 4.16-30
    Muda-se para Carfanaum Cafarnaum Mt 4.13-17
    Quaro se tornam pescadores de homens Mar Galiléia Mt 4.18-22; Mc 1.18-20; Lc 5.1-11
    Cura de um endemoninhado num sábado Cafarnaum Mc 1.21-28; Lc 4.31-37
    Cura da sogra de Pedro e outros Cafarnaum Mt 8.14-17; Mc 1.29-34; Lc 4.38-41
    c. 27 dC

    Primeira pregação na Galiléia Galiléia Mt 4.23-25; Mc 1.35-39; Lc 4.42-44
    O leproso purificado Galiléia Mt 8.1-4; Mc 1.40-45; Lc 5.12-16
    O paralítico curado Cafarnaum Mt 9.1-8; Mc 2.1-12; Lc 5.17-26
    O chamado de Mateus Cafarnaum Mt 9.9-13; Mc 2.13-17; Lc 5.27-32
    Discípulos defendidos por uma parábola Cafarnaum Mt 9.14-17; Mc 2.18-22; Lc 5.33-39
    28 dC

    Vai para Jerusalém, 2ª Páscoa e Cura Jerusalém Jo 5.1-47
    Coleta grãos incita a controvérsia do sábado Ido Galiléia Mt 12.1-8; Mc 2.23-28; Lc 6.1-5
    A Cura no sábado provoca controvérsia Galiléia Mt 12.9-14; Mc 3.1-6; Lc 6.6-11
    Multidões curadas Cafarnaum Mt 12.15-21; Mc 3.7-12; Lc 6.17-19
    12 discípulos escolhidos após noite orando Cafarnaum Mc 3.13-19; Lc 6.12-16
    Sermão da Montanha Cafarnaum Mt 5.1-7.29; Lc 6.20-49
    Cura do Servo do centurião Cafarnaum Mt 8.5-13; Lc 7.1-10
    Ressuscita o filho da viúva Naim Lc 7.11-17
    Jesus sana as dúvidas de João Galiléia Mt 11.2-19; Lc 7.18-35
    Ais sobre os privilegiados
    Mt 11.20-30
    Uma pecadora unge os pés de Jesus Cafarnaum Lc 7.36-50
    Outra pregação na Galiléia Galiléia Lc 8.1-3
    Jesus é acusado de blasfêmia Cafarnaum Mt 12.22-37; Mc 3.20-30; Lc 11.14
    A resposta de Jesus aos pedidos de Sinais Cafarnaum Mt 12.38-45; Lc 11.24-26; 29-36
    A família de Jesus Cafarnaum Mt 12.46-50; Mc 3.31-35; Lc 8.19-21
    Parábolas famosas Mar Galiléia Mt 13.1-52; Mc 4.1-34; Lc 8.4-18
    Jesus apazigua a tempestade Mar Galiléia Mt 8.23-27; Mc 4.35-41; Lc 8.22-25
    Cura do endemoninhado gadareno Praia Galiléia Mt 8.28-34; Mc 5.1-20; Lc 8.26-39
    Filha Jairo ressuscitada; Cura da mulher
    Mt 9.18-26; Mc 5.21-43; Lc 8.40-56
    A visão de dois cegos e restaurada
    Mt 9.27-31
    Um homem mudo e endemoninhado é curado
    Mt 9.32-34
    Segunda rejeição de Cristo em Nazaré Nazaré Mt 13.53-58; Mc 6.1-6
    O envio dos doze
    Mt 9.35-11.1;Mc 6.7-13; Lc 9.1-6
    Herodes decapita João Batista Galiléia Mt 14.1-12; Mc 6.14-29; Lc 9.7-9
    29 dC
    Primavera
    Retorno dos doze; Jesus alimenta 5000 Betsaida Mt 14.13-21; Mc 6.30-44; Lc 9.10-17
    Jesus Anda por cima do mar Mar Galiléia Mt 14.22,23; Mc 6.45-52; Jo 6.15-21
    O enfermo de Genesaré é curado Genesaré Mt 14.34-36; Mc 6.53-56
    No auge da Popularidade; passa pela galiléia Cafarnaum Jo 6.22-71; 7.1
    29 dC

    Tradição atacada
    Mt 15.1-20; Mc 7.1-23
    A mulher cananéia é curada Fenícia Mt 15.21-28; Mc 7.24-30
    Os aflitos curados Decápolis Mt 15.29-31; Mc 7.31-37
    4000 são alimentados Decápolis Mt 15.32-39; Mc 8.1-9
    Os fariseus aumentam o ataque Magdala Mt 16.1-4; Mc 8.10-13
    Descuido do Discípulo; Cego é curado
    Mt 16.5-12; Mc 8.14-26
    Pedro confessa Jesus é o Cristo Cesaréia Mt 16.13-20; Mc 8.27-30; Lc 9.18-21
    Jesus prediz sua morte Cesaréia Mt 16.21-26; Mc 8.31-38; Lc 9.22-25
    O reino é prometido
    Mt 16.27-28; Mc 9.1; Lc 9.26-27
    A transfiguração Monte Mt 17.1-13; Mc 9.2-13; Lc 9.28-36
    A Cura de um lunático Monte Mt 17.14-21; Mc 9.14-29; Lc 9.37-42
    Novamente fala sobre a morte e ressurreição Galiléia Mt 17.22-23; Mc 9.30-32; Lc 9.43-45
    Jesus paga tributo Cafarnaum Mt 17.24-27
    Os discípulos contendam sobre que é o maior; Jesus define; paciência, lealdade, perdão Cafarnaum Mt 18.1-35; Mc 9.33-50; Lc 9.46-62
    Jesus rejeita o conselho dos irmãos Galiléia Jo 7.2-9
    c. Set.
    29 dC
    A partida da Galiléia; a rejeição samaritana
    Mt 19.1; Lc 9.51-56; Jo 7.10
    Custo do discipulado
    Mt 8.18-22; Mc 9.57-62

    Ministério Final de Jesus na Judéia e na Peréia

    Data:

    Acontecimento:

    Local:

    Textos:

    29-30 dC out 29 dC A festa dos Tabernáculos Jerusalém Jo 7.2,10-52
    Perdão para a mulher adultera Jerusalém Jo 7.53– 8
    29 dC

    Cristo, a luz do mundo Jerusalém Jo 8.12-20
    Os fariseus não entendem a profecia Jerusalém Jo 8.21-59
    Cura de um cego de nascença Jerusalém Jo 9.1-41
    Parábola do Bom Pastor Jerusalém Jo 10.1-21
    A Missão dos setenta discípulos Judéia Lc 10.1-24
    Um doutor ouve parábola do bom samaritano Judéia Lc 10.25-37
    A hospitalidade de Marta e Maria Betânia Lc 10.38-42
    Outra lição sobre a oração Judéia Lc 11.1-13
    Acusado de ligação com belzebu
    Lc 11.14-36
    Jesus censura os fariseus e os escribas
    Lc 11.37-54
    Jesus lida: hipocrisia, inveja, preocupação...
    Lc 12.1-59
    Arrependimento ou morte
    Lc 13.1-5
    A figueira estéril
    Lc 13.6-9
    Cura de uma mulher paralítica no sábado
    Lc 13.10-17
    As parábolas do grão mostarda e do fermento Peréia Lc 13.18-21
    Inverno de 29 dC

    A festa da dedicação Jerusalém Jo 10.22-39
    A retirada para além do Jordão Peréia Jo 10.40-42
    Começa a ensinar; Volta a Jerusalém Peréia Lc 13.22-35
    Como com fariseu, cura e parábolas
    Lc 14.1-24
    Demandas do discipulado Peréia Lc 14.25-35
    Parábola O. perdida, dracma. Filho Pródigo
    Lc 15.1-32
    Parábola do mordomo infiel; Rico e Lazaro
    Lc 16.1-31
    Lições sobre serviço, fé, influência
    Lc 17.1-10
    A ressurreição de Lázaro Peréia Jo 11.1-44
    Reação a isso; retirada de Jesus
    Jo 11.45-54
    30 dC

    Inicia última jornada à Jerusalém Samaria Lc 17.11
    Cura de dez leprosos
    Lc 17.12-19
    Lições sobre a vinda do Reino
    Lc 17.20-37
    Parábola: juiz iníquo, do fariseu, do publicano
    Lc 18.1-14
    Acerca do divórcio
    Mt 19.1-12; Mc 10.1-12
    Jesus abençoa as crianças Peréia Mt 19.13-15; Mc 10.13-16; Lc 18.15
    O jovem rico Peréia Mt 19.16-30; Mc 10.17-31; Lc 18.18
    A parábola dos trabalhadores na vinha
    Mt 20.1-16
    Prediz sua morte e ressurreição Perto Jordão Mt 20.17-19; Mc 10.32-34; Lc 18.31
    Ambição de Tiago e João
    Mc 20.20-28; Mc 10.35-45
    A cura do cego Bartimeu Jericó Mc 10.46-52; Lc 18.35-43
    Zaqueu, o publicano Jericó Lc 19.1-10
    Parábolas das minas Jericó Lc 19.11-27
    Retorna à casa de Marta e Maria Betânia Jo 11.55-12.1
    Conspiração para matar Lázaro Betânia Jo 12.9-11

    Semana Final de Jesus em Jerusalém

    Data:

    Acontecimento:

    Local:

    Textos:

    30 dC
    Domingo
    Entrada triunfal Betânia, Jerus., Betânia Mt 21.1-9; Mc 11.1-11; Lc 19.28-44; Jo 12.12-19
    Segunda A figueira é amaldiçoada, templo purificado B./Jerusalém Mt 21.10-19; Mc 11.12-18;
    Lc 19.45-48
    Alguns gregos desejam ver Jesus Jerusalém Jo 12.20-50
    Terça

    A figueira seca B. /Jerusalém Mt 21.20-22; Mc 11.19-26
    O Sinédrio desafia Jesus Jerusalém Mt 21.23-22.14; Mc 11.27-12.12
    A questão do tributo Jerusalém Mt 22.15-22; Mc 12.13-17;
    Lc 20.20-26
    Os saduceus questionam a ressurreição Jerusalém Mt 22.23-33; Mc 12.18-27;
    Lc 20.27-40
    Os fariseus questionam os mandamentos Jerusalém Mt 22.34-40; Mc 12.28-34
    Cristo, o filho de Davi Jerusalém Mt 22.41-46; Mt 12.35-37;
    Lc 29.41-44
    Último sermão de Jesus Jerusalém Mt 23.1-39; Mc 12.38-40;
    Lc 20.45-47
    A Oferta da viúva pobre Jerusalém Mc 12.41-44; Lc 21.1-4
    O Sermão profético; principio das dores M. Oliveira Mt 24,1-51; Mc 13.1-37; Lc 21.5-36
    Parábolas diversas M. Oliveira Mt 25.1.46
    Jesus diz quando será crucificado
    Mt 26.1-5; Mc 14.1-2; Lc 22.1-2
    Ungido por Maria no Jantar de Simão Betânia Mt 26.6-13; Mc 14.3-9; Jo 12.2-8
    Judas se torna traidor
    Mt 26.14-16; Mc 14.10-11;
    Lc 22.3-6
    Quinta Preparação para a Páscoa Jerusalém Mt 26.17-19; Mc 14.12-16;
    Lc 22.7-13
    Quinta-feira à tarde

    A Páscoa é celebrada, a inveja e repreendida Jerusalém Mt 26.20; Mc 14.17;
    Lc 22.14-16,24-30
    Jesus lava os pés aos discípulos Sala Superior Jo 13.1-20
    Judas é revelado traidor Sala Superior Mt 26.21-25; Mc 14.18-21;
    Jo 13.21-30
    Jesus adverte sobre e deserção povir Sala Superiro Mt 26.26-29; Mc 14.22-25;
    Lc 22.17-20
    A últimas instruções de Jesus aos discípulos Jerusalém Jo 14.21-17-26
    Jesus é preso no Getsêmani M. Oliveira Mt 26.30,36-46; Mc 14.26,32-42
    Sexta Traição, prisão e deserção Getsêmani Mt 26.47-56; Mc 14.43-52;
    Jo 18.2-12
    Jesus perante o Sinédrio Jerusalém Jo 18.12-14, 19-23
    O julgamento por Caifás e o conselho Jerusalém Mt 26.57,59-68; Mc 14.53, 55.65
    A tripla negação de Pedro Jerusalém Mt 26.58,69-75; Jo 18.15-18,25-27
    A condenação pelo conselho Jerusalém Mt 27.1; Mc 15.1; Lc 22.66-71
    O Suicídio de Judas Jerusalém Mt 27.3-10
    Jesus perante Herodes Jerusalém Lc 23.6-12
    Segunda aparição de Jesus perante Pilatos Jerusalém Mt 27.15-26;Mc 15.6-15;
    Jo 18.39-19.16
    Escárnio pelos Soldados romanos Jerusalém Mt 27.27-30; Mc 15.16-19
    Jesus é levado ao Gólgota Jerusalém Mt 27.31-34; Mc 15.20-23;
    Jo 19.16-17
    6 acontecimentos: 3 primeira horas na cruz Calvário Mt 27.35-44; Mc 15.24-32;
    Jo 19.18-27
    3 últimas horas na cruz Calvário Mt 27.45-50; Mc 15.33-37;
    Jo 19.28-30
    Acontecimentos na morte de Jesus
    Mt 27.51-60; Mc 15.38-41;
    Lc 23.45,47
    A sepultura de Jesus Jerusalém Mt 27.57-60; Mc 15.42-46;
    Jo 19.31-42
    A sepultura é selada Jerusalém Mt 27.61-66; Lc 23.55-56
    Sábado As mulheres observam Jerusalém Mc 15.47

    Ressurreição e Ascensão

    Data:

    Acontecimento:

    Local:

    Textos:

    30 dC Madrugada do 1º dia Domigo As mulheres visitam o sepulcro Jerusalém Mt 28.1-10; Mc 16.1-8; Lc 24.1-11
    Pedro e João Vêem o sepulcro vazio
    Lc 24.12; Jo 20.1-10
    Jesus aparece a Maria Madalena Jerusalém Mc 16,9-11; Jo 20.11-18
    Jesus aparece a outras mulheres
    Mt 28.9-19
    O relato dos guardas sobre a ressurreição
    Mt 28.11-15
    Domingo Jesus aparece a 2 discípulos
    Mc 16.12-13; Lc 24.13.35
    Jesus aparece aos 10 discípulos, sem Tomé Jerusalém Lc 24.36-43; Jo 20.19-25
    1 Semana depois Jesus aparece aos discípulos, com Tomé Jerusalém Jo 20.26-31
    Durante os 40 dias até a ascensão Jesus aparece a sete discípulos na Galiléia Mar Galiléa Jo 21.1-15
    A grande comissão
    Mt 28.16-20; Mc 16.14-18;
    Lc 24.44-49
    A Ascensão M. Oliveiras Mc 16.19-20; Lc 24.50-53

    Oh Graças!
    Obrigado Senhor Jesus pelo teu grande amor para conosco!
    Aleluias!

    Elias R. de Oliveira


    0 comentários:

    Postar um comentário



     

    J.F.C Estudos Bíblicos Copyright © 2010 Premium Wordpress Themes | Website Templates | Blog Templates Designed by Lasantha